Categoria | Destaque, Notícias, Santos

Marta volta ao Brasil e pede mais campeonatos de futebol feminino

Publicado em 12 janeiro 2011 by doro

A brasileira Marta, recentemente eleita pela quinta vez consecutiva a melhor jogadora de futebol feminino do mundo pela FIFA em premiação realizada em Zurique, na Suíça, na segunda-feira, chegou a São Paulo nesta quarta-feira e veio direto para Araraquara, onde está disputando o Torneio Internacional Interclubes de Futebol Feminino. A jogadora defende o Santos, na noite desta quarta-feira, diante do Foz Cataratas Caixa.

Depois de enfrentar 12 horas de vôo da Europa até o aeroporto de Cumbica, Marta enfrentou mais quatro horas de estrada para chegar a Araraquara. Bem humorada, foi recebida com festa pelas suas companheiras do Santos no hotel em que a delegação está hospedada. Saudada com bolo e champanhe e depois de cumprimentar uma a uma das jogadoras ela foi obrigada a fazer discurso. “Não estava esperando mais um prêmio e nem esta festa aqui. A felicidade é grande e vamos fazer o futebol feminino crescer e que hoje à noite possamos jogar muito”, encerrou.

Em seguida, a jogadora do Santos contou, em entrevista para a imprensa, a sensação de ter conquistado mais uma vez o prêmio de melhor do mundo. “Fiquei surpresa pois a cada ano que passa vemos o crescimento do futebol feminino, o que aumenta a competitividade. As minhas concorrentes eram de alto nível e o resultado me deixou muito feliz e satisfeita. Sem as minhas companheiras e as pessoas que fazem o futebol feminino se manter não seria possível chegar até aqui”, enfatizou Marta.

A jogadora de 24 anos falou também sobre o panorama atual do futebol feminino e o que precisa ser feito no país para que a modalidade cresca e tenha espaço. “As seleções da Alemanha, Suécia e Estados Unidos sempre chegam muito fortes nas competições internacionais. E isso acontece porque nesses países existem ligas competitivas, bem disputadas e com um período de trabalho mais longo. Apesar de no estado de São Paulo existir bons times, falta mais opção de trabalho em outros locais para que a gente possa ter uma atividade mais longa e chegar bem nas competições”, explicou.

A ala Maurine, do Santos, esteve presente na coletiva e foi citada por Marta mais uma vez como uma das melhores do mundo em atividade. Emocionada ela agradeceu o apoio da colega e parabenizou-a pelo feito. “Fiquei surpresa quando soube que ela tinha citado meu nome na premiação. É um orgulho jogar ao lado de uma pessoa que conquistou cinco vezes este título. Além de ser uma companheira de clube, a Marta é uma amiga muito querida e merece tudo isso”, disse Maurine.

Falta patrocínio, investimentos e mais clubes para a modalidade Dirigentes e técnico que participam do Torneio Internacional Interclubes de Futebol Feminino também opinaram sobre o momento da modalidade. Na opinião deles, falta investimento, mais equipes e um Campeonato Brasileiro.

Para Ademar Fonseca Nogueira Júnior, o Dema, coordenador técnico do futebol feminino do Palmeiras e um dos pioneiros do esporte no país, as brasileiras possuem todos os requisitos para serem as melhores do mundo. “As jogadoras brasileiras têm muito talento e capacidade. Nossa seleção não perde para nenhuma outra do mundo neste sentido, tanto que conquistou duas medalhas de prata em olimpíadas (2004 e 2008) e foi vice-campeã mundial (2007). O que falta é investimento por parte dos clubes e o cuidado em manter a modalidade, para que as federações possam criar um Campeonato Brasileiro”, assinalou Dema.

Já para Rubens Quincas Ovalle Jr., supervisor de futebol feminino do Santos, falta mais incentivo por parte dos patrocinadores. “O futebol feminino ainda é amador e isso atrapalha na captação de patrocinadores. Na minha opinião a única maneira da modalidade crescer no Brasil é com a profissionalização das atletas”, enfatizou Rubinho. O mesmo pensa Gustavo Feliciano, treinador da equipe santista. “As jogadoras são muito profissionais e tem um talento nato. Os outros clubes precisam olhar com atenção para isso e dar mais valor para as atletas. Potencial elas tem de sobra”, explicou Gustavo.

Paulo Roberto Bastos, diretor da Sport Promotion, agência que organiza o Torneio Interclubes, e foi responsável nos últimos anos pelos principais campeonatos de futebol feminino, tem opinião parecida.

“A CBF está cumprindo a sua parte : mantém a seleção principal e as seleções das categorias de base. Utiliza toda a estrutura da Granja Comary (a mesma da seleção masculina) para a preparação dessas seleções. Em nível de clubes, promove anualmente a Copa do Brasil de Futebol Feminino. Apenas algumas Federações Estaduais promovem campeonatos da categoria. A principal delas e a mais ativa é a Federação Paulista que mantém anualmente o seu campeonato. O que então está faltando para a definitiva consolidação da modalidade é a criação de departamentos de futebol feminino nos clubes de futebol profissional, a exemplo do que vem fazendo o Santos e agora o Palmeiras, com equipes em todas as faixas etárias para garantir a formação de novas gerações que servirão as seleções brasileiras nos mundiais e olimpíadas”, analisou.

“Em se tratando de apoios governamentais, temos a SEME – Secretaria de Esportes da Prefeitura de São Paulo – que vem apoiando ativamente o futebol feminino nacional, com a realização do Torneio Internacional Cidade de São Paulo (de Futebol Feminino de Seleções) desde 2009, e que já entrou para o calendário oficial esportivo da cidade de São Paulo, acontecendo todo mês de dezembro. Nos meios de comunicação, o Grupo Bandeirantes de Comunicação desde sempre apoiou efetivamente o futebol feminino brasileiro. Na iniciativa privada, desde dezembro de 2010, contamos com o apoio da Bom Bril, patrocinadora dos dois campeonatos que organizamos recentemente”, acrescentou Bastos.

Jogos decisivos na noite desta quarta-feira – A última rodada da fase de classificação do Torneio Internacional Interclubes de Futebol Feminino promete jogos emocionantes na Arena da Fonte, em Araraquara (SP), nesta quarta-feira. O lanterna Umea joga contra o Palmeiras às 19h30, e o Santos enfrenta o Foz Cataratas Caixa, do Paraná, às 22h.

O Palmeiras empatou com o Foz Cataratas Caixa por 1×1 e perdeu para o Santos por 1×0 e precisa de um resultado positivo contra as suecas e de uma vitória do Santos contra as paranaenses para ter chances de avançar para a final. Para o Foz Cataratas basta um empate para garantir a outra vaga na decisão, já que o Santos assegurou seu lugar na segunda rodada, no domingo.

Os destaques da equipe alviverde são: a atacante Nildinha, a volante Formiga e a meio campista Rosana. As duas últimas serviram a Seleção Brasileira vice-campeã do II Torneio Cidade de São Paulo, em dezembro, em São Paulo. O Umea não tem mais chances de classificação para a final. Mesmo assim o técnico Joakim Blomqvist acredita em um bom resultado contra o Palmeiras.

O Foz Cataratas Caixa precisa de um empate contra o Santos para repetir o confronto na final, no próximo sábado, às 16 horas. Os destaques da equipe são a atacante Debinha, uma das artilheiras do torneio, com dois gols, e a meia atacante Gabi, criadora das jogadas de ataque do time.

A equipe da baixada santista já garantiu um lugar na final, já que venceu as duas primeiras partidas (4×2 contra o Umea e 1×0 contra o Palmeiras). Foz e Santos jogaram duas vezes em 2010 pela Copa do Brasil. Na primeira partida, empate em 1 x 1, em 23 de setembro, e no segundo jogo a vitória foi do Foz por 1 x 0, em 30 de setembro.

Classificação
1- Santos – 6 pontos ganhos (2 J, 2 V, 5 GP, 2 GC, Saldo + 3)
2- Foz Cataratas Caixa – 4 (2 J, 1 V, 1 E, 4 GP, 3 GC, Saldo +1)
3- Palmeiras – 1 (2 J, 1 E, 1 D, 1 GP, 2 GC, Saldo -1)
4- Umea (Suécia) – 0 (2 J, 2 D, 4 GP, 7 GC, Saldo -3)

Artilheiras:
- Suzana (Santos), Debinha (Foz) e Hanna Pettersson (Umea) – 2 gols
- Marta, Maurine e Bia (Santos), Ogonna Chukwudi e Linda Molin (Umea), Gabi e Gi (Foz Cataratas Caixa) e Nildinha (Palmeiras) – 1 gol

Tabela

Foz Cataratas Caixa 1 x 1 Palmeiras
Santos 4 x 2 Umea

Santos 1 x 0 Palmeiras
Umea 2 x 3 Foz Cataratas Caixa

12/01 (19h30) – Umea x Palmeiras (Band Sports)
12/01 (22h) – Santos x Foz Cataratas Caixa (Band e Band Sports)

15/01 (13h30) – Disputa do 3º lugar (Band Sports)
15/01 (16h) – Decisão do título (Band e Band Sports)

Ingressos à venda - Os ingressos do Torneio Internacional Interclubes de Futebol Feminino estão à venda ao valor de R$ 10,00 (setor abaixo das cabines de imprensa) e R$ 5,00 (restante do estádio).

Os interessados podem comprar na bilheteria da Arena da Fonte, de segunda-feira a sábado, das 11 às 17h. Os outros pontos de venda são: Futebol Shop, na rua São Bento 1134 e Di Gaspi, no Shopping Jaraguá, na via Heitor Souza Pinheiro 2270. A entrada do público será concentrada pelo portão principal do estádio.

O Torneio Internacional Interclubes de Futebol Feminino é organizado pela Sport Promotion, com apoio do Grupo Bandeirantes de Comunicação, da Federação Paulista de Futebol e da Confederação Brasileira de Futebol. O patrocínio é da Bombril.

Credenciamento - Os veículos de comunicação interessados em fazer a cobertura do Torneio Interclubes de Futebol Feminino devem enviar seus pedidos para a ZDL, pelo e-mail vinicius@zdl.com.br, definindo o nome e função dos profissionais.

As credenciais e coletes, aprovadas pela assessoria de imprensa, serão entregues na Arena da Fonte, antes dos jogos, na entrada da sala de imprensa. As credenciais não serão nominais. Portanto, os veículos que tiverem rodízio de seus profissionais precisam credenciar apenas o número de jornalistas com a respectiva função.

Vinícius Cabral – Mtb.: 47.121 / Gustavo Lara
E-mail – vinicius@zdl.com.br / gustavo@zdl.com.br
Siga a ZDL no twitter: twitter.com/ZDLcomunica

Foto – Marta e Maurine. Crédito: Bruno Miani / ZDL

2 Comments For This Post

  1. Bella Says:

    Parabéns a Marta por mais essa conquista e a sportpromotion e a bombril que estão apoiando o futebol feminino.

  2. Lorena Says:

    É isso aí, o Brasil precisa de mais campeonatos assim. Fiquei muito feliz com o apoio da sportpromotion, da Bombril, TV Bandeirantes e ao restante. Estão de parabéns!

Leave a Reply

Advertise Here

GALERIA DE IMAGENS

Veja todas as imagens

Advertise Here

Classificação

Equipes Pos.
Santos 1
Foz Cat. 2
Palmeiras 3
Umeå IK 4

Resultados

05/01 - FOZ 1 x 1 PAL
05/01 - SAN 4 x 2 UMEÅ
09/01 - SAN 1 x 0 PAL
09/01 - UMEÅ 2 x 4 FOZ
12/01 - UMEÅ 1 x 3 PAL
12/01 - SAN 1 x 1 FOZ
15/01 - SAN 3 x 2 FOZ
15/01 - PAL 3 x 1 UMEÅ

Twitter

RT @Edu_pontes: @BandsportsTV @folha_com @FoxSports_br @SportPromotion em SP jogadoras do Centro Olímpico Futebol Feminino estão há 5 meses sem salários!
6 years ago
@BandsportsTV @folha_com @FoxSports_br @SportPromotion em SP jogadoras do Centro Olímpico Futebol Feminino estão há 5 meses sem salários!
6 years ago